O Microsoft Windows 2000 tem mais uma nova falha que pode colocar em risco as máquinas de muitos usuários domésticos e companhias que ainda dependem do sistema operacional.

Segundo alerta divulgado pela eEye, a brecha de segurança afeta um componente central do sistema que não pode ser desabilitado — uma solução, portanto, não é possível sem um pacote de atualização divulgado pela própria Microsoft.

A eEye disse que não vai liberar os detalhes da vulnerabilidade antes que a companhia de Bill Gates divulgue correções.

O problema parece ficar mais sério quando a eEye afirma que não só o Windows 2000 foi afetado, mas também o Internet Explorer, Windows Server 2003, Windows XP e XP com Service Pack 1.

Para a empresa de segurança, a falha recebe classificação “alto risco”, o que significa que ela pode ser facilmente explorada por um worm ou vírus de internet, por exemplo, para controlar sistemas atacados remotamente.

A Microsoft avisa que está estudando o problema e que vai divulgar uma correção. Apesar de que o suporte completo para Windows 2000 tenha acabado, correções para falhas graves de segurança continuarão sendo desenvolvidas até 2010.

A eEye também divulgou novas falhas no Microsoft Internet Explorer e Outlook Express, que já foram confirmadas pela Microsoft.

Escrito por Dohko