O website eon8.com apareceu misteriosamente em dezembro de 2005 com um simples contador em sua página, que duraria 6 meses. O “projeto” EON-8 seria completado no dia 1º de julho — hoje. Hoje, a Internet ficou sabendo da verdade sobre o tal projeto e o contador.

Teorias foram lançadas sobre o propósito do site: terrorismo e marketing de um novo game ou filme de James Bond foram algumas. O fato do site exibir códigos misteriosos, o endereço IP do visitante e até mesmo, em algumas vezes, o site em que o usuário estava antes de chegar ao Eon-8, resultaram em alguma paranóia e inquietação por parte dos internautas.

A verdade é que tudo se tratava apenas de um experimento do dono do site, que queria ver como o público iria reagir à falta de informação. O resultado, como dito, não foi nada consolador: as pessoas inventaram perigos inexistentes e teorias sem qualquer fundamento.

Algumas pessoas entraram em pânico simplesmente ao ver seu endereço IP, navegador e site referente na página do Eon8, o que mostra a falta de entendimento dos usuários sobre as tecnologias usadas na Internet. Todos os sites na Internet têm essa informação, eles simplesmente não a exibem na tela como fazia o Eon8, fazendo o usuário crer que o site era, de alguma forma, malicioso ou diferente.

O site também foi hackeado, como conta o pesquisador anti-spyware Christopher Boyd em um artigo que resume a história do site. A página na enciclopédia livre Wikipédia sobre o site também está causando polêmica e foi inclusive protegida (trancada) contra edições.

O que site mostrou foi que a reação que as pessoas têm quando encontram o desconhecido não é racional: geram-se teorias e respostas equivocadas, geralmente pouco convincentes, mas que alguns, não encontrando respostas melhores, acabam aceitando.

É o que acontece quando diversas pessoas recebem boatos que divulgam informações e dicas falsas, mas que as pessoas decidem acreditar para não se arriscar a algo grave: ao novo vírus indetectável que destrói completamente o computador. Ou ao fim da América por um ataque terrorista, convenientemente cronometrado por um site na Internet chamado Eon8.

A dica é sempre pesquisar e, na dúvida, levar as coisas na brincadeira. Às vezes, correr “riscos” parece ser perigoso, mas, na maioria das vezes, o perigo está realmente em outro lugar, que é no fato de se acreditar facilmente no que não é verdade.

Anúncios

Escrito por Altieres Rohr

Jornalista e tradutor. Editor dos sites Linha Defensiva e Garagem 42 e colunista de Segurança Digital no portal G1 da Rede Globo.

1 comentário

  1. De fato, muitas pessoas preferem seguir boatos do que saber se realmente o que ouviu é fato!
    Acredito que o experimento feito pelo website eon8.com foi um sucesso, explicitando a todos quão supersticiosos somos!
    Em tudo que vemos de desconhecido, preferimos aceitar como ameaça do que uma benevolência, tavez, seja uma defesa, porém, pode se tornar uma ameaça!

    Curtir

Os comentários estão encerrados.