Ao investigar as denúncias de que identificadores de usuários (UIDs) teriam sido repassados por acidente a anunciantes por desenvolvedores de aplicativos, o Facebook descobriu que alguns programadores de apps estavam coletando intencionalmente os dados – e até vendendo. Em resposta, o site disse que vai modificar a maneira que o site “fala” com os aplicativos, para que identificadores de usuários não precisem ser transferidos e não sejam mais repassados nem por acidente.

Leia mais no G1 »

Anúncios

Escrito por Altieres Rohr

Jornalista e tradutor. Editor dos sites Linha Defensiva e Garagem 42 e colunista de Segurança Digital no portal G1 da Rede Globo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s